Curiosidades sobre ‘Chico Xavier – O Filme’

0
348
Chico Xavier psicografou dois livros em um único dia.
Em 1969 Chico Xavier psicografou dois livros no mesmo dia.

Ao final do longa-metragem Chico Xavier – O Filme, um texto é mostrado na tela. No trecho em questão, é explicado aos telespectadores que o médium homenageado pela produção escreveu mais de 400 livros. Entretanto, ele nunca aceitou receber royalties ou mesmo direitos autorais pelas suas obras.

É possível afirmar que o filme em questão é bastante generoso com a figura de Chico Xavier e isso não poderia ser diferente. O homem dedicou a sua vida ao próximo e foi o responsável por atuar como veículo para que milhares de espíritos pudessem trazer as suas mensagens para esse plano. Isso aconteceu não somente através das obras literárias, mas também devido às cartas que foi responsável por psicografar para os parentes vivos desses espíritos.

Doe e ajude o site a permanecer on-line

Ainda no início do filme, Chico Xavier é mostrado em um programa de TV, Pinga Fogo. Na ocasião citada, é mostrada a narrativa a respeito de um casal que perdeu um filho e não consegue encontrar uma forma de superar o ocorrido e seguir em frente com as suas vidas. A partir desse ponto, o público é exposto a vários flashbacks e através deles conhece um pouco mais a respeito da infância de Chico.

Nesse trecho a respeito da infância vemos a forma como o médium descobriu o seu dom e também a sua relação bastante difícil com os católicos da região em que vivia.

Apesar de ser uma história bastante dramática, ela também possui alguns momentos de humor que servem como um alívio para o público.

Entre esses momentos de humor é possível citar a situação em que o pai de Chico Xavier o leva para um bordel com a expectativa de que ele tenha a sua primeira experiência sexual com uma das prostitutas.

Entretanto, não demora muito para que os seus dons também se manifestem no local e em pouco tempo tanto as frequentadoras quanto os seus clientes estivessem reunidos em um círculo de orações.

Devido à alta dramaticidade apresentada no filme, e não poderia ser diferente com alguém que teve uma vida como a de Chico Xavier, em alguns pontos o longa-metragem pode ser tornar um pouco chato e monótono.

Entretanto, de uma forma geral, ele é uma boa experiência e caso você tenha curiosidade de descobrir mais a respeito da vida do médium, vale muito a pena assistir.

A partir desse filme, você conseguirá perceber com clareza a trajetória de uma pessoa que dedicou toda a sua vida para tentar ajudar ao próximo.

Caso você goste da experiência, é recomendado assistir também ao filme Nosso Lar, que foi baseado em uma das obras escritas por Chico Xavier. Esse filme também é bastante interessante e enriquecedor.

Por fim, é importante informar que Chico Xavier – O Filme possui classificação indicativa livre e pode ser visto por todas as pessoas.

 

Deixe seu comentário