Vídeo: O que o espiritismo diz sobre a ansiedade?

0
945
O que o espiritismo diz sobre a ansiedade?

Quem convive com a ansiedade sabe como ela pode ser desgastante. O espiritismo fala sobre a ansiedade. A sensação de desânimo, choro sem motivo aparente, inquietação, coração disparado, suor, dificuldade na respiração, um sofrimento que só quem passa sabe. Além desses, muitos outros sintomas são comuns da ansiedade. Se não há um tratamento rigoroso e regular, é muito difícil o alivio dos sintomas.

Muitas vezes a ansiedade demora a ser diagnosticada por possuir sintomas físicos que se assemelham a outras doenças. Mas, através dos exames, com a eliminação de outras doenças e um questionário ao paciente é possível que ela seja detectada. Sendo assim o paciente possa ter acesso ao tratamento necessário para uma qualidade de vida.

Mas, o que o espiritismo fala sobre a ansiedade

Coisas simples do dia a dia, como esperar por algo, se torna algo muito grande para quem sofre com esse transtorno. Isso porque tudo se torna angustiante e pode levar a sintomas físicos essa inquietação psicológica. Hoje em dia, com a tecnologia avançada e a falta de paciência cotidiana, a ansiedade tem sido muito mais comum, em diversas idades. Mas o que o espiritismo tem a dizer sobre isso?

É dito que a ansiedade é implantada em nosso gene na reencarnação, para que seja reparado algo feito na vida passada. Segundo Joanna de Angelis, ela vem com problemas antigos, para que sejam pagos ou resolvidos nessa vida. É importante lembrar que sempre a nossa vida passada irá refletir totalmente em nossa reencarnação.

A ansiedade aprisiona e adoece aos poucos o espírito

A ansiedade não é algo benéfico, ela aprisiona e adoece aos poucos o espírito, o corpo e precisa ser tratada em todos os sentidos. O espiritismo tem grande influência para o tratamento do transtorno, isso porque ele complementa a medicina, de certa forma, e ambos os tratamentos juntos tem melhor efeito sobre o doente.

O espiritismo e a ansiedade – Espíritos com inclinação para o mau podem se aproveitar dessa vulnerabilidade

Alguns espíritos com inclinação para o mau podem se aproveitar de pessoas com essa vulnerabilidade e acabar piorando a situação, induzindo a pessoa a ter atitudes de autodestruição. Nesses casos, a intervenção espiritual no tratamento é de suma importância, para que assim a entidade seja contactada e ela perceba que está sendo prejudicial ao espirito que se apossou e o livre disso.

A doutrina espirita é essencial em casos como esse. O espiritismo ajuda através do tratamento espiritual. Dessa forma é possível aliviar todo o sofrimento que o espirito possa estar tendo. Vale lembrar que a ajuda medicinal é indispensável, e que medicamentos certos aliviam os sintomas e permitem que a pessoa tenha uma vida mais próxima do normal nessa questão.

Vídeo: O que o espiritismo diz sobre a ansiedade?

Deixe seu comentário